Antônio Carlos pode ser cortado na 4ª

Muita festa e preocupação. Embora eufórico com a conquista do título de campeão italiano com a Roma, no domingo, o zagueiro Antônio Carlos sofreu uma luxação no ombro direito e deverá ter o sonho de voltar a jogar pela seleção brasileira adiado. Hoje, o jogador foi examinado por médicos da Roma, que não mostraram entusiasmo. Segundo os italianos, ele terá de ficar pelo menos duas semanas fora dos gramados, em recuperação, e não poderá enfrentar o Uruguai, dia 1.º de julho. Sua mulher, Sônia Zago, confirmou, porém, que amanhã à tarde ele deixará a capital italiana com destino ao Rio. Quarta-feira, será novamente examinado, só que pelo médico da seleção, José Luiz Runco. Ele poderá ser cortado do grupo. A ausência de Antônio Carlos deverá mudar os planos do técnico Luiz Felipe Scolari de implantar o esquema 3-5-2. O zagueiro da Roma seria o encarregado da função de líbero. O atleta queria de qualquer maneira apresentar-se hoje à seleção, tanto que já tinha até arrumado as malas. Tristeza por causa da contusão, mas muita alegria com a vitória sobre o Parma por 3 a 1 e a conquista do título nacional. Na noite de domingo, Antônio Carlos e os demais jogadores da Roma - inclusive os brasileiros Cafu, Aldair, Emerson e Marcos Assunção - reuniram-se num tradicional restaurante da cidade para festejar o triunfo depois de 18 anos de jejum. "Foi uma bela festa, até os familiares participaram", contou Sônia, que compareceu ao evento com as filhas. "Ele está muito feliz." Mesmo que seja cortado da seleção e não participe da Copa América, o zagueiro ficará no Brasil em férias. A família voltará com ele ao País. O jogador retorna no mês que vem à Itália. Seu contrato com a Roma foi renovado por mais três anos. Prejuízo - Os fanáticos torcedores da Roma causaram danos de US$ 200 mil no Estádio Olímpico, domingo, após a conquista do título italiano.

Agencia Estado,

18 de junho de 2001 | 19h02

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.