Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Antônio Carlos revela surpresa com titularidade no Palmeiras em 2018

Zagueiro que por pouco não deixou o clube, comemora sequência no time titular no início da temporada

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

30 Janeiro 2018 | 18h53

Uma continuidade surpreendente e uma vaga de titular mais inesperada ainda. O zagueiro Antônio Carlos, do Palmeiras, afirmou nesta terça-feira em entrevista coletiva que o ano de 2018 trouxe muitas novidades bem melhores do que o previsto. O defensor comentou que não tinha muita expectativa de ter chance no time depois de no passado ter atuado somente nove vezes.

O defensor, emprestado pela Tombense-MG, ficaria na equipe somente durante uma temporada, porém o clube resolveu renovar o vínculo. A decisão já foi uma surpresa, que acabou ainda maior depois de o técnico Roger Machado definir Antônio Carlos como titular. "Não vou dizer que não me surpreendi, porque com certeza foi uma novidade. Mas como venho falando, foi fruto de um trabalho que vem sendo construído desde o ano passado", afirmou.

Neste ano o jogador atuou as quatro partidas do time como titular ao lado de Thiago Martins, quase o número de partidas que atuou durante todo o ano de 2017. "Fui muita surpresa ter essa sequência. Mas em nenhum momeno deixei de acreditar nesse momento", disse. O defensor contou que procurou permanecer no clube após os treinos para se aprimorar e conquistar espaço.

Antes de desfrutar dessa boa fase, por pouco Antônio Carlos não deixou o clube. No fim do ano passado, com o contrato de empréstimo perto do fim, outras equipes sondaram a contratação dele. "Meu pensamento foi continuar no Palmeiras, porque desde quando cheguei aqui, cravei para minha esposa e amigos que queria fazer história no clube e evoluir. Por ter 24 anos, chegou a hora também de parar um pouco", comentou.

O zagueiro tem começado a despontar como uma das lideranças do grupo. Nas preleções, ele costuma pedir a palavra para incentivar os companheiros, postura despertada pela criação. "Meu pai sempre falou comigo para ajudar os companheiros. Sou caçula e tenho três irmãs mais velhas. Meu pai sempre falou para eu cuidar delas", brincou o defensor.

O elenco palmeirense se reapresentou na tarde desta terça após ganhar um dia de folga. Os jogadores fizeram um trabalho em campo reduzido sob chuva e voltam ao trabalho na quarta na parte da manhã.

Mais conteúdo sobre:
futebol Palmeiras

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.