Antônio Lopes rejeita o favoritismo

Antônio Lopes fez questão de reforçar a postura de que o Corinthians não está em condição de assumir o favoritismo ao título do Brasileirão por antecipação. Nem mesmo os últimos resultados e uma seqüência que parece jogar a favor na reta final fazem o delegado mudar de idéia.?Esse assunto está muito bem controlado aqui dentro. A garotada está com os pés no chão. Não tem motivo para ficar empolgado com nada. Este é um campeonato forte, em que se perde muitos pontos mesmo jogando em casa. Pode ter certeza de que só será decidido na penúltima ou na última rodada?, diz o técnico.Na avaliação de Lopes, sete clubes ainda têm condições de brigar pelo caneco. ?Até o Paraná, que está em sétimo com 48 pontos, tem chances. O oitavo não mais porque soma 41 pontos e é muito difícil tirar esses 15 pontos de diferença com 12 ou 14 partidas para o encerramento.?Os concorrentes, porém, não são os únicos que podem atrapalhar a vida do Corinthians. Para o treinador, até mesmo as equipes que estão fora do páreo não podem ser desprezadas.Hugo - A preocupação é tanta que Lopes não gostou nada de ler em um jornal que o jogo com o Fortaleza estava sendo tratado como ?mamão com açúcar?. ?Ué, o Corinthians não perdeu (2 a 1) lá no primeiro turno? Então o que é isso? Não tem essa de mamão com açúcar. Não concordo. É um time que tem de ser respeitado como qualquer outro.?Não foi só isso que deixou Antônio Lopes irritado. Questionado sobre a entrada de Hugo na vaga de Gustavo Nery, o treinador desconversou dizendo que a equipe ainda não estava definida. Um repórter rebateu contando que o atleta acabara de dar entrevista confirmando que jogará na lateral esquerda. ?Como ele vem aqui e fala isso se o treinador sou eu? Eu que defino a equipe! E estou dizendo que o Corinthians ainda não está escalado. Tenho algumas análises a fazer?, disse, arrancando gargalhadas dos jornalistas.Mas logo em seguida ele acabou deixando escapar que Hugo será realmente o substituto de Nery. ?Não me preocupo em improvisá-lo. Ele tem condição. Pode jogar tanto de volante, como de ala, como na meia, que é o normal. Ele sabe atacar e defender.?

Agencia Estado,

07 de outubro de 2005 | 19h15

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.