Aos 9 anos, pode jogar no Manchester

Pode sair de Campo Mourão (477quilômetros de Curitiba) a mais nova, literalmente, revelação dofutebol internacional. O meio-campista Jean Carlo Chera,conhecido como Anderson, de apenas nove anos, pode se transferirpara o Manchester United, da Inglaterra, ou para um clubeportuguês ainda não revelado. O jovem tem sido tratado como umfenômeno e já é chamado de "Maradona" ou "Pelé". Segundo o presidente da Associação Desportiva Atléticado Paraná (Adap), Adilson Batista Prado, Anderson chamou aatenção do clube quando jogava no Sinop, no interior do MatoGrosso. "Temos um grupo de olheiros espalhado pelo Brasil, ondebuscamos garotos com potencial. No caso dele, é um fenômeno, umdiamante a ser trabalhado. É um atleta com muito futuro. Nuncatinha visto algo igual", afirmou. A possibilidade de transferência de Anderson surgiuatravés de um intercâmbio e contatos com o exterior realizadospelo clube. Por conta disso, alguns observadores do Manchester ede dois grupos portugueses viram alguns vídeos e seinteressaram. "Estávamos mantendo essas conversas sob segredopara não expôr a família do garoto, afinal o assédio está sendomuito grande e isso precisa ser feito com muita calma", disse,sem revelar os valores da venda em uma provável negociação. Anderson, que pesa 35 quilos e mede 1,37m, foi integradoà Adap no final de 2004 e a sua família também se transferiupara a cidade paranaense, onde acompanha os passos do garoto. Emcaso de transferência, os pais viajarão para o exterior ereceberão apoio de uma empresa especializada."Como nós formamos vários atletas, temos uma empresaresponsável pela gestão das suas carreiras. Queremos dar o apoioe a segurança necessários aos jovens atletas", disse Adilson. Atualmente a Adap tem um elenco com 30 atletasprofissionais e é líder do campeonato estadual, e tem 120 jovensatletas nas categorias de base."Apesar da pouca idade, o Anderson já está jogando com oinfantil, com garotos de três a quatro anos mais velhos queele", disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.