Vassil Donev/EFE
Vassil Donev/EFE

Após 6 a 1, Southgate diz que gostou mais de vitória inglesa na estreia

Técnico da Inglaterra define como 'estranho' o jogo contra o Panamá e prefere atuação diante da Tunísia

Estadão Conteúdo

24 Junho 2018 | 15h14

O técnico Gareth Southgate celebrou a goleada aplicada pela Inglaterra por 6 a 1 no Panamá, neste domingo, em Nijni Novgorod, mas disse que gostou mais do triunfo na estreia da equipe na Copa do Mundo da Rússia. No dia 18, em Volgogrado, a seleção inglesa bateu a Tunísia por 2 a 1, com o gol que garantiu a vitória marcado aos 46 minutos do segundo tempo.

+ Técnico do Panamá exalta ex-gremista por gol e diz: 'Me senti muito comovido'

+ Inglaterra faz 6 a 1 no Panamá e Kane assume a artilharia da Copa do Mundo

"Foi estranho contra o Panamá, na verdade. Gostei mais do jogo contra a Tunísia por causa da tensão", revelou o treinador após o fim da partida. "Estar sob pressão e alcançar o resultado foi especial. Hoje, resolvemos tudo antes do intervalo. Foi difícil tentar fazer os atletas se manterem concentrados na segunda etapa", disse o técnico.

"Nós tivemos de buscar soluções na primeira partida e eu não gostei delas hoje nos primeiros dez minutos do jogo. É compreensível, o Panamá estava no (esquema) 6-3-1 e demorou um pouco para encontrarmos os espaços. Quando conseguimos, realizamos algumas jogadas bonitas. Estou muito feliz pelo Harry Kane", disse Southgate, que exaltou o atacante inglês, artilheiro do Mundial, com cinco gols, e do jogo, com três.

 

"Não o trocaria por nenhum outro camisa 9 dessa Copa do Mundo, por causa das habilidades que ele tem de aproveitar as chances de gol", afirmou o treinador, que agora vai preparar a Inglaterra para o duelo contra a Bélgica, às 15 horas (de Brasília) desta quinta-feira, em Kaliningrado.

"O importante é desfrutar dessa partida. O lado bom é que não vamos estar pressionados", afirmou Southgate. A Inglaterra lidera o Grupo G por causa do critério de disciplina na Copa do Mundo, já que tomou um cartão amarelo a menos do que a Bélgica em duas partidas. Ambas as seleções têm seis pontos ganhos, seis gols positivos de saldo e oito gols marcados no Mundial.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.