Apesar do empate, Felipão exalta evolução do Palmeiras

Apesar do empate por 0 a 0 diante do Ceará, no domingo, em Fortaleza, quando completou sua terceira partida seguida desde que voltou ao Palmeiras sem vitória, o técnico Luiz Felipe Scolari demonstrou satisfação com o resultado e exaltou a evolução técnica e tática da equipe.

AE, Agência Estado

26 de julho de 2010 | 13h47

"No geral, fizemos um bom jogo, até com possibilidades de vencer. Criamos boas situações e tocamos bem a bola. A equipe está buscando um equilíbrio e melhorando, mas o caminho é longo e árduo. Estamos dando os primeiros passos e a tendência é melhorar", analisou Felipão.

A única reclamação do treinador ficou por conta da expulsão do zagueiro Léo no segundo tempo. "Não é normal o que está acontecendo. A expulsão do Léo foi infantil e ele não precisava ter recebido o cartão, em especial o primeiro. Estávamos bem na partida e poderíamos buscar a vitória. Vou analisar muito bem esse assunto durante a semana", afirmou Felipão, admitindo punição ao jogador.

Léo, ao lado do também zagueiro Danilo, ainda suspenso pelo caso de injúria racial, no qual ofendeu o zagueiro Manoel, do Atlético-PR, é desfalque certo do Palmeiras para a próxima partida. E será justamente o clássico contra o Corinthians, no domingo, no Pacaembu, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoPalmeirasFelipão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.