Felipe Oliveira / EC Bahia
Felipe Oliveira / EC Bahia

Após 4 partidas como técnico efetivado, Preto Casagrande é demitido no Bahia

Treinador conquistou apenas uma vitória depois que deixou de ser interino

Estadão Conteúdo

03 Outubro 2017 | 23h06

Após quatro partidas como técnico efetivado à frente do Bahia, o técnico Preto Casagrande foi demitido na noite desta terça-feira. A diretoria do clube baiano ainda não anunciou o nome do substituto.

+ Bahia cede empate ao Coritiba em tarde com muitas vaias na Fonte Nova

"O Esporte Clube Bahia comunica que Preto Casagrande não é mais técnico do Tricolor. A diretoria do Esquadrão de Aço agradece os serviços prestados por este profissional durante o período em que esteve a frente do comando técnico da nossa equipe", disse o clube, em nota.

Casagrande deixou o cargo três dias após o empate do Bahia com o Coritiba, por 1 a 1, em rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado obtido em casa fez o time se aproximar da zona de rebaixamento, ocupando a 13ª colocação, mas exibindo apenas um ponto acima da zona da degola.

Casagrande se tornou técnico interino do Bahia logo após a demissão do técnico Jorginho, no dia 31 de julho. A efetivação, contudo, só veio no dia 30 de agosto, após cinco jogos à frente do time, porque a diretoria não teve maior sucesso no mercado atrás de um novo treinador.

Desde que foi efetivado, Casagrande comandou o Bahia em apenas quatro partidas. Nesta série, obteve uma vitória, dois empates e uma derrota.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.