Divulgação
Divulgação

Após acerto milionário, Higuaín é recebido com festa na Juventus

Centroavante argentino foi contratado por mais de R$ 300 milhões

Estadão Conteúdo

27 de julho de 2016 | 14h34

A contratação mais cara da história do futebol italiano desembarcou nesta quarta-feira na cidade de Turim. Após custar 90 milhões de euros aos cofres da Juventus para tirá-lo do Napoli, Gonzalo Higuaín foi recebido com muita festa por centenas de torcedores alvinegros e celebrou a chegada ao novo time.

"Esperamos fazer uma grande temporada. Temos equipe e uma grande sociedade para fazê-lo. Agora, temos que trabalhar para presentear os torcedores com as sensações que merecem. É importante chegar à primeira partida do campeonato da melhor maneira possível", declarou o argentino em entrevista à TV italiana Sky Sports.

Higuaín disse ter "belíssimas sensações" em sua chegada a Turim e celebrou a possibilidade de atuar ao lado do "amigo" e também argentino Paulo Dybala. A alegria demonstrada pelo jogador contrastou com o clima deixado em Nápoles, onde o atacante foi considerado um traidor por uma apaixonada torcida por ter se transferido para o maior rival do clube.

A negociação entre Juventus, Higuaín e Napoli, aliás, se transformou em uma verdadeira novela nas últimas semanas. O time napolitano chegou a descartar a venda de seu maior destaque à rival, mas os dirigentes de Turim insistiram, pagaram a multa rescisória e, auxiliados pela vontade do jogador, fecharam o acordo.

A grande rivalidade entre Juventus e Napoli fez a negociação ganhar ainda mais impacto na Itália, também pelo ótimo desempenho de Higuaín na última temporada, quando foi o maior goleador de uma edição do Campeonato Italiano na história, com 36 gols. Além das cifras milionárias do acordo, o argentino também foi seduzido pela proposta salarial da Juventus, que deverá pagar-lhe 7,5 milhões de euros por ano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.