Andrés Cristaldo / EFE
Andrés Cristaldo / EFE

Após anúncio de Copa América do Brasil, federações fazem lobby por seus estados

Conmebol quer partidas no Nordeste, em Brasília e no Maracanã

Marcio Dolzan, Estadao Conteudo

31 de maio de 2021 | 15h44

Enquanto o anúncio da realização da Copa América no Brasil gerava uma onda de críticas nas redes sociais, a comunicação entre cartolas de federações e da CBF ia no sentido contrário, com representantes das entidades estaduais fazendo lobby para ter jogos sob seus domínios.

A Conmebol ainda não divulgou onde serão disputadas as partidas, mas cartolas estaduais estão sendo avisados que a preferência da confederação sul-americana é por sedes nas regiões nordeste, centro-oeste e sudeste. Norte e sul do País correm por fora.

Como aconteceu na final da edição da Copa América de 2019 e da Libertadores do ano passado - disputada em janeiro deste ano -, a intenção é que a decisão do torneio seja disputada no Maracanã. O Mané Garrincha, em Brasília, está quase certo como uma das sedes.

No Rio Grande do Sul, o Estadão apurou que o prefeito Sebastião Melo colocou Porto Alegre à disposição - a cidade teve a Arena do Grêmio como uma das sedes em 2019 e será palco de Brasil x Equador na próxima sexta-feira, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo.

Manaus e Natal também estão no leque de opções da entidade. No entanto, é certo que Recife não será uma das sedes, já que o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), declarou que não poderá receber partidas do torneio em razão do "atual cenário epidemiológico".

Isso porque o Estado encontra-se no pior momento da pandemia. No último sábado, houve recorde de novas infecções pela covid-19. Ao todo, foram registrados 5.576 casos da doença em 24 horas. A taxa de ocupação de leitos de UTI na rede pública é dramática e já atinge os 98%. Nos hospitais privados não é diferente. Cerca de 86% dos leitos estão ocupados por pacientes diagnosticados com Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag).

Até o início da tarde, a CBF não havia se manifestado oficialmente sobre a realização da Copa América no Brasil. E, coincidência ou não, na Granja Comary, em Teresópolis, as entrevistas coletivas com Fred e Lucas Paquetá, foi cancelada momentos antes do horário previsto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.