Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Após caxumba, Richarlison se reapresenta à seleção brasileira em Minas Gerais

Atacante teve o problema detectado na última quinta-feira, em Porto Alegre, onde o grupo estava para enfrentar o Paraguai

Ciro Campos, Estadão Conteúdo

30 de junho de 2019 | 21h22

O atacante Richarlison, da seleção brasileira, se reapresentou ao técnico Tite, da seleção brasileira, na noite deste domingo, em Belo Horizonte. O jogador do Everton, da Inglaterra, estava com caxumba, mas se recuperou da doença e viajou para encontrar o elenco, que se prepara para enfrentar a Argentina, nesta terça-feira, no estádio do Mineirão, pela semifinal da Copa América.

Richarlison teve o problema detectado na última quinta-feira, em Porto Alegre, onde o grupo estava para enfrentar o Paraguai, pelas quartas de final da competição. O atacante foi colocado em isolamento no quarto do hotel para evitar o contágio do vírus aos demais colegas. Após ser medicado e ter atenção especial nos últimos dias, enquanto ainda continuou no Sul, ele foi liberado para viajar.

Apesar da situação, Richarlison continuou ativo no cotidiano da seleção brasileira. O atacante participou por teleconferência de reuniões com o restante do elenco. Os demais jogadores estão em Belo Horizonte desde sexta-feira e mantiveram contato com o colega. Inclusive, por precaução contra um possível surto de caxumba, 64 membros da delegação da seleção brasileira foram vacinados ainda em Porto Alegre.

O retorno de Richarlison ao grupo se dá um dia antes do previsto. A comissão técnica estabelecia esta segunda-feira como o dia mais provável para a volta do atacante. Apesar da vinda para Belo Horizonte, o jogador do Everton não deve ser relacionado para enfrentar a Argentina, pois passou os últimos dias em repouso absoluto e não conseguiu manter a rotina de treinos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.