Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Após deixar Palmeiras sem jogar, Freire agradece chance e projeta retorno

Argentino rescinde contrato de empréstimo e se diz feliz pela oportunidade de ter conhecido a equipe

Redação, O Estado de S.Paulo

18 de janeiro de 2019 | 16h36

O argentino Nico Freire publicou nesta sexta-feira um agradecimento ao Palmeiras nas redes sociais. O zagueiro rescindiu o contrato de empréstimo após não ter atuado em partidas oficiais pela equipe, mas demonstrou gratidão pela oportunidade e pela convivência no clube onde ficou por seis meses e integrou o elenco campeão brasileiro no ano passado.

"Quero agradecer por tudo o que Palmeiras fez por mim. Agradeço muito ao pessoal da cozinha, pessoal da segurança, pessoal da rouparia e meus companheiros de time. Eles fizeram muito pra me acompanhar neste momento. Estou indo embora, mas estou muito agradecido pelo carinho da gente", escreveu o jogador, em português. A rescisão foi selada na noite desta quinta-feira.

Freire veio a pedido do então técnico Roger Machado, que queria no elenco um zagueiro canhoto. O argentino só disputou um amistoso pela equipe, no meio do ano passado, na América Central, e depois não teve mais chances de atuar. Reserva em alguns jogos do time no Brasileiro, o argentino foi liberado para procurar outro clube. Os direitos econômicos dele pertencem ao Torque, da Argentina.  

O zagueiro disse que pretende voltar ao Palmeiras no futuro. "Eu desejo que seja um até logo. Que Deus abençoe cada um de vocês, Família Palmeiras. Vou ficar torcendo por cada um de vocês!", afirmou o jogador. Antes do Palmeiras, ele defendia o Zwolle, da primeira divisão da Holanda.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.