Paulo Whitaker / Reuters
Paulo Whitaker / Reuters

Após demissão de Luxemburgo, Sport apela para nova 'história' com Daniel Paulista

Pernambucanos enfrentam o Coritiba após saída do experiente treinador

Estadão Conteúdo

29 Outubro 2017 | 07h14

Depois da demissão do técnico Vanderlei Luxemburgo, o Sport tenta a reação imediata neste domingo contra o Coritiba, às 18 horas (de Brasília), no estádio da Ilha do Retiro, no Recife, pela 31.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

E, para o lugar de Luxemburgo, demitido após a derrota por 2 a 0 para o Junior Barranquilla, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa Sul-Americana, a equipe novamente colocou o interino Daniel Paulista, que já fazia parte da comissão técnica e ficará no comando até o final do ano. Ele, inclusive, havia iniciado como treinador do Sport em 2017, quando teve aproveitamento de 70% em 20 jogos.

"Acho que volto mais maduro, mais experiente, mais vivido com relação à profissão, a algumas coisas que fiz, que deixei de fazer e que poderia ter feito. Tive oportunidade de trabalhar com dois profissionais de conceitos diferentes e estou mais confiante para estar junto dos atletas e fazer uma vitoriosa reta final de campeonato", garantiu Daniel Paulista, que fora efetivado pela primeira vez justamente após fazer uma boa campanha como interino na reta final do Brasileirão, em 2016. "Nós temos que pensar daqui para frente, esquecer o que passou e escrever uma nova história".

E, para sua reestreia, ele poderá contar com o volante Rithely, recuperado de uma entorse no tornozelo direito. Já o lateral-direito Raul Prata e o também volante Wesley, lesionados, seguem vetados pelo departamento médico.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.