Cesar Greco/Fotoarena
Cesar Greco/Fotoarena

Após derrota em Goiás, Palmeiras treina antes de voltar a São Paulo

Clássico contra o Corinthians se tornou decisivo

Gonçalo Junior, O Estado de S.Paulo

03 de setembro de 2015 | 13h53

Depois da derrota para o Goiás, por 1 a 0, o Palmeiras voltou aos treinamentos antes mesmo de retornar a São Paulo. Os trabalhos foram feitos na manhã desta quinta-feira em uma academia de Goiânia. Os jogadores que iniciaram a partida fizeram recovery, um circuito de estações para recuperar a musculatura dos atletas. Os reservas fizeram exercícios de força na sala de musculação.

Após a derrota em Goiânia, o próximo jogo, contra o Corinthians, domingo, no Allianz Parque, tornou-se decisivo. Hoje, o Palmeiras está em sexto lugar, com dois pontos de distância para a zona de classificação à Libertadores. O técnico Marcelo Oliveira afirmou que o desempenho do Palmeiras como mandante para enfrentar o líder do Campeonato Brasileiro.

"Não dá para escolher. Clássico sempre é bom de jogar. A mobilização é natural, principalmente jogando em casa, onde estamos jogando muito bem. É uma oportunidade de jogarmos melhor, de reverter a situação atual. Ninguém esperava perder para o Goiás, com toda a grandeza e a tradição do Goiás", afirmou o treinador logo após a derrota em Goiânia. 

O Allianz Parque estará lotado para o clássico. Até o início da tarde desta quinta-feira, mais de 28 mil ingressos já haviam sido comercializados. As entradas para o setor Cadeira Gol Norte estão esgotadas. O Palmeiras é o dono da melhor média de público do torneio, com 33.787 torcedores por jogo. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.