Após derrota contra Vitória, Inter é recebido com protestos no RS

Equipe escapa dos 30 torcedores que protestavam contra desempenho do time no Aeroporto Salgado Filho

Estadão Conteúdo

11 Setembro 2014 | 15h21

Bastaram duas derrotas seguidas no Campeonato Brasileiro para que a paciência da torcida do Internacional com o time chegasse ao fim. Nesta quinta-feira, no início da tarde, o elenco colorado chegou a Porto Alegre depois de tropeço diante do Vitória, em Salvador, e foi recebido no Aeroporto Salgado Filho por protestos.

Cerca de 30 torcedores foram ao local para reclamar do time, do técnico Abel Braga e da diretoria presidida por Giovanni Luigi. O grupo, porém, conseguiu se safar do confronto com os torcedores deixando o aeroporto pelo terminal antigo. Quando a torcida se aproximou, os atletas já estavam todos dentro do ônibus.

A boa fase do Inter, que disputava o título do Brasileiro com o Cruzeiro, começou há um mês, quando o time foi eliminado da Copa do Brasil pelo Ceará. Na ocasião, valeu a desculpa de que havia um consolo: o direito de disputar a Copa Sul-Americana.

A equipe de Abel Braga, porém, perdeu em casa do Bahia, empatou em Salvador e foi eliminada da disputa pelo título internacional. Na sequência, derrotas para o Figueirense (3 a 2, em Santa Catarina, no domingo passado) e para o lanterna Vitória (2 a 0 em Salvador, na quarta à noite).

Com 34 pontos, o Inter já está a nove do líder Cruzeiro (a vantagem pode subir a 12 se os mineiros vencerem o Bahia à noite), empatado com o Grêmio. No domingo, a chance de recuperação é em casa, contra o Botafogo.

Mais conteúdo sobre:
futebol Inter Brasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.