Juan Ignacio Roncoroni/Efe
Juan Ignacio Roncoroni/Efe

Após derrota, Deyverson cobra reação do Palmeiras para o clássico

Atacante afirma que resultado contra o San Lorenzo não pode atrapalhar preparação para enfrentar o São Paulo

Redação, O Estado de S. Paulo

02 de abril de 2019 | 21h26

O atacante Deyverson, do Palmeiras, cobrou da equipe superação para esquecer a derrota para o San Lorenzo por 1 a 0, pela Copa Libertadores, em Buenos Aires. Em entrevista ao canal Fox Sports, o jogador afirmou que o Palmeiras não pode lamentar a derrota porque já no domingo terá decisão no Campeonato Paulista contra o São Paulo por vaga na final do torneio.

"Fizemos nosso trabalho, não foi um jogo ruim. Foi uma partida disputada. Vamos levantar a cabeça, até porque vamos fazer um clássico difícil contra o São Paulo", afirmou o atacante. O clube já vendeu 34 mil ingressos para a partida. O Palmeiras depende de uma vitória simples para avançar, porém em caso de empate, a semifinal será definida nos pênaltis.

Para Deyverson, o San Lorenzo teve o mérito de aproveitar uma das poucas chances possíveis de gol e depois, se fechar na defesa. "Sabemos que jogar aqui ia dificultar muito. Parabéns para a equipe do San Lorenzo. Jogaram bem e se fecharam ali atrás. Infelizmente tomamos um gol ali, falha nossa", lamentou.

O time argentino abriu o placar aos 6 minutos da etapa final, com Herrera. Depois disso, o Palmeiras não conseguiu ameaçar. "A gente sabe que jogar aqui é muito difícil. Mas a equipe está de parabéns pela disposição e pela vontade", comentou. O Palmeiras volta aos treinos na tarde desta quinta-feira, já em São Paulo.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.