Bruno Haddad/Cruzeiro
Bruno Haddad/Cruzeiro

Após derrota do Cruzeiro, Egídio já mira futuro: 'O campeonato não acabou'

Já garantido na Libertadores de 2019 depois do título da Copa do Brasil, time mineiro mantém discurso de não baixar a guarda na reta final de temporada

O Estado de S.Paulo

10 Novembro 2018 | 22h35

O Cruzeiro não fez uma boa partida na noite deste sábado e foi presa fácil para o Atlético-PR. A derrota por 2 a 0, na Arena da Baixada, pela 33.ª rodada do Campeonato Brasileiro, foi lamentada pelo lateral-esquerdo Egídio.

"A gente começou bem, tivemos chegadas, mas tomamos dois gols no contra-ataque. Criamos, chegamos a ter posse de bola, mas infelizmente não conseguimos buscar o resultado", resumiu Egídio.

Já garantido na Libertadores de 2019 depois de ter conquistado o título da Copa do Brasil, o time mineiro mantém o discurso de não baixar a guarda nesta reta final de temporada. "O campeonato não acabou. Qualquer campeonato que o Cruzeiro esteja participando, ele entra para vencer. É uma camisa grandiosa, acostumada com vitórias. É descansar para pegar o Corinthians", completou.

Na nona colocação, com 46 pontos, o Cruzeiro volta a campo na quarta-feira, contra o Corinthians, às 21h45, no Mineirão, em Belo Horizonte, pela 34.ª rodada. O jogo será a reedição da final da Copa do Brasil.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.