Após derrota, Fla evita Rio e viaja direto para Brasília

De acordo com a diretoria do clube, ficou mais barato ir direto para o Distrito Federal

AE, Agência Estado

22 de agosto de 2013 | 18h09

RIO - O Flamengo viajou de Minas Gerais, onde enfrentou o Cruzeiro na quarta-feira pela Copa do Brasil, para Brasília, local do jogo de sábado, contra o Grêmio, pelo Campeonato Brasileiro. A opção de não voltar ao Rio ficou mais em conta, de acordo com a diretoria do clube.

E como o Flamengo tem recebido apoio maciço de sua torcida na capital federal, o técnico Mano Menezes também achou mais interessante ficar mais próximo dos torcedores que devem lotar novamente o Mané Garrincha.

Para tentar derrotar os gaúchos, Mano não vai poder contar com Luiz Antonio, suspenso com três cartões amarelos. Deve, assim, armar a defesa com Digão na lateral-direita - Leonardo Moura continua afastado por contusão - e na zaga escalará Chicão e González.

Ele comanda nesta sexta um coletivo em Brasília para definir o time. Segundo Mano, o Grêmio é um dos adversários mais perigosos do Brasileiro, notadamente porque está em ascensão na competição.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFlamengoviagemBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.