Bruno Cantini / Atletico
Bruno Cantini / Atletico

Após derrota para arquirrival, Atlético-MG viaja a Chapecó com time reserva

Os mineiros estão bem colocados na tabela na retomada da competição de pontos corridos após a Copa América.

Redação, Estadão Conteúdo

14 de julho de 2019 | 13h59

Com a derrota acachapante para o arquirrival Cruzeiro na última quinta-feira, pela Copa do Brasil, o Atlético-MG se viu obrigado a focar no Campeonato Brasileiro neste fim de semana para tentar reerguer a cabeça de olho no restante da temporada. Porém, mesmo com o jogo deste domingo com a Chapecoense, às 19 horas na Arena Condá, ganhando relevância, o time atleticano que vai a campo deve ser cheio de reservas.

Os mineiros estão bem colocados na tabela na retomada da competição de pontos corridos após a Copa América. Com 16 pontos após nove rodadas, vão tentar se manter no pelotão de frente, mas terão de dar um jeito de fazê-lo com os reservas em campo.

A opção foi confirmada pelo técnico Rodrigo Santana, ao avisar que o foco de momento continuará sendo a disputa da Copa do Brasil, mesmo com a derrota de 3 a 0 para o Cruzeiro, ocorrida no Mineirão.

Para o jogo deste domingo, por sinal, o treinador, que estava interino no cargo e recentemente ganhou a condição de efetivo, apontou algumas lições da derrota na Copa do Brasil. "Acho que a gente precisa competir mais e, na próxima partida, ter uma postura mais agressiva tanto na fase defensiva, quanto na ofensiva" afirmou.

Com um time reserva que vai encarar a cansativa viagem a Chapecó, quem deve voltar a começar jogando é o atacante Ricardo Oliveira. Ele perdeu a condição de titular da equipe no comando de ataque para o jovem Alerrandro nas últimas partidas.

O jogo também deve oferecer oportunidade para as estreias do lateral-esquerdo uruguaio Lucas Hernández e do volante paraguaio Ramón Martínez. No meio, a disputa está entre o venezuelano Otero, que recentemente voltou ao clube mineiro de um empréstimo ao Al Wehda, da Arábia Saudita, e Maicon "Bolt". O vencedor da contenda fará companhia a Geuvânio e Vinícius no apoio ao ataque.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.