Francisco Seco/AP
Francisco Seco/AP

Após desfalcar Argentina em 2 jogos, Messi treina no Barça e deve pegar o Sevilla

Atacante viu das arquibancadas a goleada sofrida diante da Espanha por 6 a 1 e a vitória sobre a Itália por 2 a 0

Estadão Conteúdo

29 de março de 2018 | 16h10

Depois de ter desfalcado a seleção da Argentina nos amistosos contra Itália e Espanha nos últimos dias, Lionel Messi voltou a treinar com o elenco do Barcelona nesta quinta-feira e deverá ser confirmado no time que enfrentará o Sevilla no sábado, às 15h45 (de Brasília), fora de casa, pela 30ª rodada do Campeonato Espanhol.

+ Sampaoli reconhece dificuldades da Argentina diante da Espanha

+ Veja a página especial da Copa do Mundo

+ Confira a tabela do Campeonato Espanhol

O astro ficou fora da vitória por 2 a 0 sobre a seleção italiana, na última sexta, em Manchester, e depois acabou sendo vetado de forma surpreendente do duelo no qual a Argentina foi massacrada por 6 a 1 pelos espanhóis, terça-feira, em Madri.

O jogador foi descartado da partida na Inglaterra por causa de problemas musculares, mas depois se recuperou e treinou com a seleção do seu país no domingo e na segunda-feira, quando chegou a ser confirmado pelo técnico Jorge Sampaoli no embate contra a Espanha. Porém, no mesmo dia da partida, voltou a sentir dores provocadas por uma contratura na perna direita e voltou a ser descartado pelo departamento médico da equipe nacional.

Por causa do problema, o atacante acompanhou das tribunas do estádio Wanda Metropolitano, nova casa do Atlético de Madrid, a sua seleção ser humilhada pelos espanhóis na partida de preparação para a Copa do Mundo de 2018. A derrota foi tão vergonhosa que após o sexto gol tomado pela equipe ele resolveu deixar o local.

Nesta quinta-feira, o técnico do Barcelona, Ernesto Valverde, deu entrevista coletiva e disse estar "tranquilo" em relação à condição de Messi. "Tem alguma dor, mas nada importante", afirmou o comandante, dando um indicativo de que o argentino estará em campo como titular na partida deste sábado.

O Barça é o líder disparado do Campeonato Espanhol, com 75 pontos, 11 à frente do vice-líder Atlético de Madrid, que no domingo enfrenta o La Coruña, em casa. E como há apenas nove rodadas a serem disputadas até o término da competição, Valverde reconheceu nesta quinta-feira que "três pontos conquistados diante do Sevilla podem ser bastante decisivos" nesta caminhada rumo ao título.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.