Rubens Chiri|Divulgação
Rubens Chiri|Divulgação

Após dois jogos no clube, Kieza negocia saída do São Paulo

Atacante pode se transferir ao Vitória em troca por dois atletas

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

11 de março de 2016 | 17h42

O presidente do São Paulo, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, afirmou nesta sexta-feira que o clube negocia a saída do atacante Kieza ao Vitória. O jogador, contratado no começo do ano por R$ 4 milhões, fez só duas partidas, não marcou nenhum gol e pode voltar nos próximos dias ao futebol nordestino, onde se destacou no ano passado pelo Bahia.

Durante o desembarque da equipe após o empate pela Libertadores em 1 a 1 com o River Plate, em Buenos Aires, o dirigente contou que a negociação pode envolver troca de jogadores. "Ele (Kieza) quer priorizar um clube onde possa jogar, jogar e jogar e no São Paulo isso não vai acontecer. As conversas com o Vitória envolve dois atletas da base, mas não tem nada definido", explicou.

Kieza atuou por empréstimo no Bahia, no ano passado, e pertencia ao Shanghai Shenxin. No São Paulo, recebeu a camisa 9, que era de Luis Fabiano, mas só foi titular em um jogo, na vitória por 4 a 0 sobre o Água Santa, pelo Campeonato Paulista. O atacante chegou a entrar em campo contra o The Strongest e atuou durante a parte final do segundo tempo na derrota por 1 a 0.

Segundo Leco, o atleta está insatisfeito porque deseja ter mais oportunidades. "A questão de não estar atuando criou um incômodo, o que é natural. A preferência dele é por jogar", afirmou. O técnico Edgardo Bauza tem como opções para o ataque Calleri, Centurión, Alan Kardec, Rogério, Wilder e Kelvin, que até agora só disputou uma partida pelo São Paulo.

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolSão Paulo FCLeco

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.