Após efeito suspensivo, Roth critica punição do STJD

Um dia depois do efeito suspensivo do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), que liberou os jogadores do Grêmio para o confronto com a Portuguesa, domingo, o técnico Celso Roth criticou a decisão anterior do tribunal, que puniu o zagueiro Léo com suspensão de 120 dias. "Foi forte demais, mas depois disso a direção entrou com o recurso e conseguiu obter o efeito suspensivo. Felizmente aconteceu isso", declarou. Na quinta-feira, o STJD recuou e liberou os jogadores para atuar enquanto o Pleno não julgar os recursos dos clubes, ainda sem data marcada. "Todos foram pegos de surpresa, pela maneira que a pena foi dada", comentou o treinador sobre a punição dada na quarta-feira. No mesmo julgamento, o atacante Morales foi suspenso por oito jogos, enquanto o zagueiro Réver recebeu três partidas de gancho.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.