Katelyn Mulcahy/AFP
Katelyn Mulcahy/AFP

Após eleição de Biden, LeBron planeja voltar a ir à Casa Branca 'com tequila e vinho'

Era tradição jogadores de franquias campeãs visitarem o presidente até Donald Trump ser eleito e atletas se recusarem a ir

Redação, Estadão Conteúdo

08 de novembro de 2020 | 18h31

Uma das grandes tradições dos esportes nos Estados Unidos é que os vencedores de ligas como NBA e NFL são convidados para uma visita à Casa Branca. No entanto, durante os quatro anos do governo de Donald Trump, muitos atletas se recusaram a ir, como LeBron James. Com a eleição de Joe Biden, a principal estrela do basquete atual já pensa em como vai ser a volta para a sede do poder no país.

Draymond Green, jogador do Golden State Warriors, comentou com LeBron que ele poderia voltar nas redes sociais. "Vocês todos já podem ir para a Casa Branca e comemorar o título", escreveu, se referindo ao título conquistado pelo Lakers em 2020. O astro da franquia amarela e roxa confirmou.

"Estaremos lá de volta! Vou levar minha tequila e meu vinho também", respondeu LeBron, acrescentando emojis de carinhas sorridentes, copos de whisky e taças de vinho.

Nas vezes anteriores em que foi campeão, LeBron James visitou a Casa Branca para se encontrar com Barack Obama, em 2012 e 2013 com o Miami Heat e 2016 com o Cleveland Cavaliers. Em 2017, após os atletas do Golden State Warriors se recusarem a visitar Trump, LeBron apoiou a decisão, afirmando que se encontrar com o presidente era uma grande honra antes de Trump ocupar o cargo.

LeBron é engajado politicamente e se manifestou diversas vezes contra Donald Trump e a favor das manifestações raciais que aconteceram nos Estados Unidos em 2020, após a morte de George Floyd, um homem negro, asfixiado por um policial. O atleta ainda criou uma campanha para ajudar as pessoas negras a poderem votar apesar da pandemia de coronavírus.

E, com a vitória de Biden confirmada pelos principais meios de comunicação dos Estados Unidos, o jogador utilizou as redes sociais para mostrar felicidade. Publicou uma montagem na qual Biden aparece dando o toco que ele deu em Iguodala na final da NBA de 2016. Também disse um 'você está demitido', frase que Trump dizia quando apresentava o reality show O Aprendiz.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.