Após empate contra o Santos, Tite cobra melhora do Corinthians

Técnico ressalta que toda a equipe precisa evoluir

AE, Agência Estado

28 de outubro de 2013 | 08h46

SÃO PAULO - O técnico Tite cobrou a equipe do Corinthians depois do empate em 1 a 1 com o Santos, domingo à tarde, em Araraquara. Para o treinador, apesar da boa entrada de Renato Augusto como atacante, o time não soube aproveitar as chances criadas. Tite voltou a falar sobre Alexandre Pato e reforçou que não é só o atacante que precisa mostrar mais futebol. "Às vezes você é melhor, cria as melhores oportunidades, domina durante dois terços do jogo e, ainda assim, não fica com o resultado. A intenção era aumentar a criação com o Renato (Augusto), e isso aconteceu, mas não traduzimos em gol", comentou o técnico corintiano.

Questionado sobre a situação de Alexandre Pato, que perdeu posição no time titular e só entrou no segundo tempo, Tite ressaltou que toda a equipe, e não apenas o atacante, precisa evoluir. "Vamos recuperar. Vamos trabalhar, buscar sua (de Pato) melhor condição ali na frente para tentar traduzir em gols. Ele vai trabalhar e absorver as críticas. Independente de Pato temos que melhorar", cobrou o treinador. Tite ainda mostrou entender as críticas da torcida, irritada após mais um tropeço. "Todo torcedor tem um amor pelo clube. A gente tem que vestir a camisa não só pelo dinheiro, mas estar integrado no espírito de equipe. Quando não vem ele (torcedor) vai se manifestar."

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.