Após empate, Felipão elogia Portugal

Portugal empatou pela primeira vez sob o comando de Luiz Felipe Scolari. Depois de perder para a Itália e ganhar de Brasil e Macedônia, nesta quarta-feira a equipe arrancou um bom 1 a 1 contra a Holanda, em Eindhoven. E o melhor é que jogou bem, chegando a dominar os donos da casa em boa parte do jogo.Depois da partida, Felipão deixou claro que falta pouco para montar a "família portuguesa" em que apostará para lutar pelo título da Eurocopa em junho do ano que vem. "Não temos apenas 11 jogadores. Está demonstrado que temos 17 ou 18 jogadores de boa qualidade. Com mais uns quatro teremos um grupo forte para a Eurocopa", disse o treinador brasileiro.Figo e Rui Costa, os dois principais astros da seleção, jogaram apenas o primeiro tempo - Hugo Viana entrou no lugar de Figo e Deco no de Rui Costa. O volante Maniche, do Porto, também jogou só os primeiros 45 minutos. Sérgio Conceição, outro titular, jogou só a segunda etapa. Pauleta deixou o campo aos 18 minutos do segundo tempo, substituído por Nuno Gomes."Não houve nenhum problema. Acontece que esses jogadores estão muito desgastados, com uns 60 jogos disputados na temporada, e por isso decidi dar um descanso a eles. Mas mesmo com as mudanças o time não perdeu qualidade, o que prova que temos mais do que 11 jogadores", afirmou Felipão.A "generosidade" de Felipão tem a ver com sua política de bom relacionamento com os clubes. Ele disse que não quer criar problemas para os outros treinadores, mas espera contar com a ajuda deles quando for preciso. "Estou no comando da seleção portuguesa, mas quando terminar meu contrato vou voltar a dirigir um clube. Estou procurando ajudar os clubes e espero que eles também me ajudem, liberando os jogadores em boas condições e nos horários previstos quando a seleção os requisitar."O treinador brasileiro ainda não se conformou por ter recebido os jogadores de Porto e Boavista apenas na terça-feira, na véspera do jogo - as duas equipes entraram em campo segunda-feira pelo Campeonato Português. Antes da partida desta quarta, Felipão deu a entender que na próxima temporada cederá menos e exigirá mais dos clubes. "Vamos intensificar nossa preparação para a Eurocopa e por isso será importante contar com todos os jogadores sempre que possível."O confronto - A Holanda saiu na frente nesta quarta, com um gol do atacante Kluivert aos 26 minutos, na primeira finalização da equipe. Até aquele momento, Portugal mandava na partida. O gol de empate saiu aos 32 minutos da segunda etapa. Simão Sabrosa saiu da direita para o meio e bateu forte de pé esquerdo. A bola desviou em Frank de Boer e entrou.Portugal teve boas chances para marcar nos últimos minutos, mas errou muito nas conclusões. "Esse não é um problema que apareceu agora. Antes de eu assumir a seleção já tinha essa característica de criar muito e fazer poucos gols. Só vamos poder tentar corrigir isso quando tivermos 20 ou 30 dias para trabalhar fundamentos com o grupo", avisou Felipão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.