César Greco / Agência Palmeiras
César Greco / Agência Palmeiras

Após encontro com Jair Bolsonaro, Felipe Melo diz que testou negativo para covid-19: 'Não coronei'

Jogador critica 'torcedores ferrenhos do vírus' e está liberado para trabalhar com os colegas na Academia de Futebol do Palmeiras

Redação, Estadão Conteúdo

04 de dezembro de 2020 | 15h44

Um dia após participar de evento com o presidente Jair Bolsonaro, sem usar máscara, o volante Felipe Melo afirmou nesta sexta-feira que seu exame para covid-19 deu resultado negativo. O jogador do Palmeiras fez o anúncio pelas redes sociais, onde também criticou os "torcedores ferrenhos do vírus".

"Estou indo agora trabalhar, fazer a minha fisioterapia em busca de um retorno o quanto antes (ao time). Não foi dessa vez que tive o corona, ainda não", informou o jogador, sem revelar detalhes sobre o exame. De acordo com o Palmeiras, Felipe Melo fez o teste fora do clube e está liberado para treinar.

Nos dois últimos dias, em diversos vídeos publicados nas redes sociais, o jogador aparece num evento ao lado de Bolsonaro e outras autoridades de Brasília. Felipe Melo chegou a cumprimentar o presidente. Nas imagens, ninguém aparece usando máscara ou tomando qualquer cuidado com o distanciamento social. Aglomerações são frequentes nas imagens.

Em fase de recuperação de cirurgia, Felipe Melo está sem jogar. Mas foi liberado pelo clube paulista para participar do evento, a pedido do próprio jogador. No entanto, o Palmeiras ficou preocupado com a falta de cuidados quanto aos protocolos sanitários da covid-19. Nas últimas semanas, o Palmeiras vem enfrentando um surto do novo coronavírus em seu elenco, com diversos desfalques para os jogos. Na quinta, o próprio técnico Abel Ferreira apresentou teste positivo para covid-19.

Também pelas redes sociais, Felipe Melo ironizou as críticas. "Queria dizer para quem é torcedor ferrenho do vírus, que gostam de fazer um 'mimimi' do caramba: será que o ambiente em que estive, as pessoas que ali estavam não tinham feito o exame antes? Será que foi por isso que eu não 'coronei'? Será? Hum, eu não sei. Deixa para lá, o importante é que continuo com saúde e pronto para trabalhar e voltar o quanto antes."

O volante, que chegou a atuar como zagueiro neste ano, continua afastado do time e sem previsão de retorno. Ele se recupera de uma cirurgia realizada no tornozelo, no dia 10 de novembro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.