Edison Vara / Reuters
Edison Vara / Reuters

Após erro em gol do Grêmio, lateral de 24 anos do Lanús diz cogitar aposentadoria

José Gómez entregou a bola a Fernandinho aos 26 do primeiro tempo

Estadão Conteúdo

30 Novembro 2017 | 12h46

Se o terceiro título da Libertadores explodiu uma festa nos jogadores e na torcida no Grêmio, do lado do Lanús, a tristeza aconteceu na mesma medida. Ainda mais para aquele que deixou o campo sentindo-se responsável direto pela derrota da última quarta-feira, na Argentina. Após errar no primeiro gol adversário, o lateral José Gómez estava inconsolável e, inclusive, disse cogitar a aposentadoria do futebol, mesmo aos 24 anos.

+ Herói da final, Luan celebra título da Libertadores: 'A gente merecia'

+ Grêmio desembarca em Porto Alegre com a taça de tricampeão da América

"Me sinto mal, não estou bem. Passa muita coisa pela minha cabeça. Penso em deixar o futebol. São erros que não podemos cometer, então, vou pensar bem. Sou novo, mas isso não deveria acontecer. Me sinto assim. Me sinto culpado por não dar mais um campeonato ao Lanús, que merecia. Mas vamos pensar e ver o que acontece", declarou em entrevista à rede de televisão argentina TyC Sports.

A declaração de Gómez gerou surpresa até no repórter que o entrevistava e que passou a tentar convencê-lo do contrário. Mas o lateral estava desolado. "Passa pela minha cabeça essa possibilidade, estou mal neste momento. Não tive uma boa noite. Vou chegar em casa e ver o que vai acontecer. Vou falar com minha família, que também está mal."

O lance aconteceu aos 26 minutos. Após cobrança de falta afastada pela defesa brasileira, Gómez tentou recolocar o Lanús no ataque, mas pegou mal e entregou no pé de Fernandinho. Veloz, o atacante arrancou do meio de campo sem permitir a reação do lateral. De frente para Andrada, encheu o pé para balançar a rede.

"Fico na bronca, triste. São jogadas rápidas, que passam. Errei e pagamos caro. Tenho que seguir. Vamos mentalizar o resto do campeonato (argentino). Fico triste pela minha família, que veio me apoiar, e não consegui lhes dar esta alegria", disse o jogador.

Luan ainda marcou o segundo para o Grêmio, em um golaço, e José Sand descontou no segundo tempo. E mesmo com mais de uma hora para o Lanús reagir após o gol de Fernandinho, Gómez não conseguia deixar de se sentir culpado pela derrota.

"Estou mal. Pelo resultado, pela partida que tive. quero pedir desculpas a todos do Lanús. Por um erro meu, eles abriram o placar. Depois, fomos para cima tentar o gol, eles fizeram outro e nos complicaram mais. É triste, o vestiário estava ruim. Mas temos que levantar a cabeça e seguir. Fizemos uma boa Libertadores. A torcida merecia sair campeão, mas não foi assim."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.