Após escândalo, Campeonato Turco tem início adiado

A Federação Turca de Futebol informou nesta segunda-feira o adiamento do início da próxima temporada no país. A medida foi tomada por conta do escândalo de manipulação de resultados que já levou 30 pessoas ligadas ao futebol local à prisão durante as últimas semanas.

AE-AP, Agência Estado

25 de julho de 2011 | 14h16

Com isso, a primeira rodada do Campeonato Turco, que seria disputada no dia 5 de agosto, acontecerá agora apenas em 9 de setembro.

De acordo com as investigações da entidade, 19 partidas da temporada passada tiveram seus resultados manipulados. Entre os envolvidos que foram detidos pela polícia estão o presidente do Fenerbahçe, Aziz Yildirim, além de dirigentes do Besiktas e do Trabzonspor. Eles seguem presos, aguardando julgamento.

O Fenerbahçe se sagrou campeão turco pela 18ª vez na temporada passada, batendo o vice-campeão Trabzonspor no saldo de gols. A equipe venceu 16 das últimas 17 partidas da competição, mas muitas delas, de acordo com as investigações, estão sob suspeita.

Também por causa do escândalo, o Besiktas foi obrigado a devolver o troféu da Copa da Turquia, conquistada em maio diante do Istambul Belediyespor. A taça ficará com a federação local enquanto o técnico e o presidente do clube não forem absolvidos das acusações que os levaram à prisão.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolTurquia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.