Victor R. Caivano/AP
Victor R. Caivano/AP

Após exames, Uruguai confirma Vecino fora da Copa América por lesão

Volante da Inter de Milão teve constatado problema no músculo bíceps femoral da coxa direita

Redação, Estadão Conteúdo

17 de junho de 2019 | 15h31

Poucas horas depois de golear o Equador por 4 a 0, na noite de domingo, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, na estreia pela Copa América, a seleção do Uruguai voltou aos treinamentos na manhã desta segunda-feira já pensando na partida contra o Japão, que será na quinta. Em um clima descontraído, com direito a risos e piadas, os jogadores trabalharam na Cidade do Galo, o CT do Atlético-MG, em Vespasiano, na região metropolitana da capital mineira. A notícia negativa foi a confirmação da lesão de Matías Vecino.

Segundo comunicado da Associação Uruguaia de Futebol (AUF), o jogador passou por um exame e foi constatada uma lesão no músculo bíceps femoral da coxa direita. Com isso, o jogador da Inter de Milão está fora da Copa América. Ele havia sentindo fortes dores musculares no final da partida contra o Equador e foi substituído aos 35 minutos do segundo tempo.

Como é praxe no futebol, os jogadores que começaram a partida contra o Equador ficaram no ginásio do centro de treinamentos para realizarem trabalhos regenerativos. Eles tiveram a companhia dos três goleiros e dos reservas nos primeiros 30 minutos de atividade. Na sequência, os auxiliares do técnico Óscar Tabárez comandaram um treino no campo para quem pouco ou nada jogou no domingo.

A partida contra o Japão, nesta quinta-feira, às 20 horas (de Brasília), acontecerá na Arena Grêmio, em Porto Alegre, pela segunda rodada do Grupo C. A delegação uruguaia viajará nesta segunda à tarde para a capital gaúcha e treinará pela primeira vez na cidade nesta terça. Depois de encarar os japoneses, o Uruguai encerrará a fase de grupos contra o Chile, na próxima segunda-feira, às 20 horas, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.