Marcos de Paula/AE
Marcos de Paula/AE

Após expulsão, Luiz Felipe Scolari enfrenta denúncia tripla no STJD

Treinador do Palmeiras corre o risco de pegar gancho de até 720 dias no Tribunal

AE, Agência Estado

17 de agosto de 2011 | 20h33

RIO - O técnico Luiz Felipe Scolari enfrentará uma denúncia tripla no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por conta da expulsão ao fim da partida do Palmeiras contra o Atlético-MG, no dia 30 de julho. O julgamento será realizado na próxima segunda-feira, no Rio de Janeiro.

O treinador terá de responder a três artigos do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) e corre o risco de pegar gancho de até 720 dias.

A pena mais pesada é referente ao artigo 243-D (incitar publicamente o ódio ou a violência), por ter supostamente pedido aos seus jogadores para entrarem com mais força nas jogadas.

Felipão também foi denunciado nos artigos 258 (assumir conduta contrária à disciplina) e 243-F (ofender alguém em sua honra por fato relacionado ao desporto). O técnico teria ofendido o árbitro assistente Roberto Braatz quando deixava o gramado rumo ao vestiário, após ser expulso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.