Após expulsão, Washington critica arbitragem

O atacante Washington demonstrou indignação com sua expulsão no primeiro tempo do clássico com o Corinthians, neste domingo. Após a derrota por 4 a 3, no Pacaembu, o jogador do São Paulo criticou a arbitragem Wilson Luiz Seneme, que também deu cartão vermelho ao atacante Dentinho.

AE, Agência Estado

28 de março de 2010 | 19h44

"É tudo contra o São Paulo. Eu não fiz nada e saio assim", disse, referindo-se ao nariz sangrando, depois de se estranhar com Dentinho. "Se eu falar tudo que eu penso, serei punido e vou ficar um mês sem jogar".

O corintiano admitiu que seu cotovelo acertou o nariz de Washington, mas disse que foi sem intenção. "Eu levantei demais e atingi. Mas não tive intenção", disse Dentinho, quando deixava o gramado.

Assim como Washington, o zagueiro Alex Silva reclamou da atuação do árbitro. "Faltou critério. A expulsão do Dentinho foi correta, pois ele deu uma cotovelada no Washington, que só empurrou. Não agrediu. Poderia dar amarelo só", argumentou.

O técnico Ricardo Gomes preferiu não culpar a saída de seu centroavante como fator decisivo para a derrota, até por que naquele momento já perdia o jogo por 2 a 0. "Não vi o lance pela tevê, mas conversei com o Washington. Ele me disse que recebeu uma cotovelada e não houve revide. A princípio, foi injusta [a expulsão]", comentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.