Divulgação
Divulgação

Após fechar com o Flu, nova marca fornecerá uniforme para o Goiás

Dry World assina contrato para vestir o esmeraldino por cinco anos

Estadão Conteúdo

06 de janeiro de 2016 | 17h01

A DryWorld, empresa canadense de materiais esportivos, resolveu entrar forte no mercado brasileiro. Após convencer o Fluminense a encerrar uma parceria de 19 anos com a Adidas, a companhia acertou com o Goiás para fornecer uniformes ao clube esmeraldino pelos próximos cinco anos.

"Não podemos falar em valores, mas o número de peças por ano, por exemplo, é o dobro do que tínhamos no antigo contrato", revelou Elias Júnior, diretor do marketing do Goiás. O clube esmeraldino tinha a italiana Kappa como fornecedora de material esportivo até o fim do ano passado.

Estreante no fornecimento de material esportivo no futebol brasileiro, a DryWorld é até chamada pelo nome errado no site do Goiás, como Dry World (o correto é tudo junto). O clube goiano explica que os canadenses também já assinaram com Fluminense e Atlético-MG, mas os mineiros ainda não confirmaram o acerto para substituir a Puma.

"Lançar a Dryworld no Brasil é o primeiro e mais relevante passo na direção de alavancar a nossa marca no mercado global, ao mesmo tempo em que trazemos qualidade e inovação para o mercado brasileiro", disse Matt Weingart, cofundador da Dryworld, quando do anúncio do Flu.

Antes da Dryworld, também a Under Armour chegou ao mercado brasileiro, assinando contrato de exclusividade com o São Paulo. Umbro, Adidas e Nike são líderes de mercado no Brasil há alguns anos, enquanto Puma (Botafogo e Atlético-MG) e Penalty (Cruzeiro e Bahia) tentam retomar espaço. A Kappa, que perdeu o Goiás, acertou com a Portuguesa.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolGoiásDryWorld

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.