Após fratura em lance com Fred, goleiro do Paraná volta a Curitiba

Leo recebeu uma joelhada próxima ao olho e teve uma fratura facial

Estadão Conteúdo

01 de junho de 2017 | 18h22

O goleiro Leo foi protagonista de um lance forte na derrota do Paraná para o Atlético-MG na última quarta-feira, que culminou na eliminação da equipe na Copa do Brasil. Ao tentar impedir o segundo gol do 2 a 0, marcado por Fred, o jogador recebeu uma joelhada próxima ao olho e teve uma fratura facial.

Leo levou um forte golpe na altura do olho direito e caiu no gramado sangrando muito. Depois, com o sangramento já estancado, exibiu bastante inchaço na região. Imediatamente, foi encaminhado a um hospital na região do Independência e a assessoria do Paraná indicou que não havia suspeita de fratura.

Só que os exames realizados por Leo mostraram o contrário e confirmaram a fratura facial. Por conta da gravidade do problema, o goleiro ficou em observação em Belo Horizonte, enquanto os seus colegas retornaram a Curitiba na manhã desta quinta-feira. Somente durante a tarde, o jogador foi liberado para voltar à capital paranaense.

De acordo com o Paraná, Leo ainda será submetido a novos exames em Curitiba nesta sexta-feira. A tendência é que o goleiro passe por cirurgia nos próximos dias e fique afastado dos gramados.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolParanáLeo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.