Ivan Storti/Santos FC
Ivan Storti/Santos FC

Após frustração com Richarlison, Palmeiras sonha com retorno de Diego Souza

Mas clube pernambucano não pretende liberar meia, com quem tem contrato até o fim de 2018

Ciro Campos e Gonçalo Junior, O Estado de S. Paulo

26 de junho de 2017 | 12h10

Depois da frustração na contratação de Richarlison, do Fluminense, a diretoria do Palmeiras tem interesse no retorno de Diego Souza, atacante do Sport. O negócio, no entanto, é difícil. O jogador gosta da cidade de Recife e não se vê morando novamente no eixo Rio-São Paulo - ele já recusou uma proposta do Corinthians. O clube pernambucano não pretende liberar seu principal atleta, com quem tem contrato até o final de 2018.

A comissão técnica do Palmeiras indicou o nome de Diego Souza pela sua versatilidade e experiência. Ele pode ser o chamado "falso 9", mas também atuar como meia. O presidente Mauricio Galiotte, quando atuou como chefe da delegação da seleção brasileira, durante os amistosos na Austrália, chegou a conversar com o jogador na concentração da seleção.

Diego Souza foi jogador do Palmeiras entre 2008 e 2010 e conquistou o título paulista. Sua saída, no entanto, foi tumultuada. Em abril de 2010, ao ser vaiado após uma substituição, o jogador de 32 anos fez gestos obscenos em direção às numeradas do antigo estádio Palestra Itália. Foi afastado pela diretoria e acabou acertando com o Atlético-MG.

Tudo o que sabemos sobre:
PalmeirasDiego Souzafutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.