Após garrafada, técnico do Sevilla é liberado pelos médicos

O técnico do Sevilla, Juande Ramos, esteve presente no treino de sua equipe, nesta quinta-feira, após receber alta do hospital ao qual foi encaminhado depois de ser atingido por uma garrafa na partida contra o Bétis, disputada na última quarta.Por causa da pancada, Ramos ficou inconsciente e acabou desmaiando - ele deixou o gramado numa maca. Os jogadores do Sevilla decidiram não continuar em campo e a partida, que era válida pelas quartas-de-final da Copa do Rei, foi suspensa aos 14 minutos do segundo tempo, quando o Sevilla vencia por 1 a 0.Os médicos aconselharam que Ramos permanecesse em observação por 48 horas. Ao deixar o hospital, o treinador contou que não conseguia se lembrar de nada desde o intervalo do jogo - cerca de meia hora antes de ser atingido pela garrafa."Estas são as coisas que acontecem quando uma partida fica quente. Tenho certeza de que a torcida do Bétis não está representada pelo desalmado que arremessou a garrafa", contou o treinador, que apenas acompanhou o treino dos jogadores.A Federação Espanhola decidirá nesta sexta-feira as punições que serão impostas pelo incidente ocorrido na partida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.