Uew Anspach/EFE
Uew Anspach/EFE

Após 'gol fantasma', Federação Alemã consultará Fifa

Autor do gol, Stefan Kiessling lamentou ter comemorado após árbitro validar lance

AE-AP, Agência Estado

19 de outubro de 2013 | 11h44

BERLIM - A Federação Alemã de Futebol avisou neste sábado que vai consultar a Fifa sobre o "gol fantasma" marcado pelo Bayer Leverkusen na vitória sobre o Hoffenheim, na sexta-feira, em rodada do Campeonato Alemão. O gol, irregular, foi validado pelo árbitro e garantiu o triunfo do Bayer, por 2 a 1.

O lance aconteceu quando o time de Leverkusen vencia por 1 a 0. Em uma cobrança de escanteio na área, Stefan Kiessling subiu de cabeça e mandou rente à trave, para fora. A bola, contudo, bateu na rede pelo lado de fora e acabou entrando por um buraco. O atacante chegou a lamentar a finalização para fora, mas não deixou de comemorar quando o árbitro validou o gol.  Jogadores e técnico do Hoffenheim reclamaram ainda durante a partida, mas a arbitragem não voltou atrás. Na mesma noite, o clube entrou com recurso na Federação para reconsiderar a jogada irregular, que mudou o placar do jogo e a pontuação das duas equipes na tabela do Alemão.

Neste sábado, o autor do gol disse estar arrependido de ter comemorado o gol irregular. "Eu realmente não vi [a bola indo para fora]. Eu me virei e fiquei surpreso quando vi a bola dentro do gol. Eu não sei como isso aconteceu", declarou Kiessling.

Em nota oficial, a Federação Alemã de Futebol anunciou que via consultar os dois times, o árbitro da partida e até a Fifa para "buscar uma solução legal para casos como esse". O Hoffenheim já solicitou que a partida seja realizada novamente. "O pedido imediato por um ''replay'' é compreensível. Mas nós sabemos, pelo passado, que a Fifa é muito protetora em relação às decisões dos árbitros", disse o vice-presidente da Federação, Rainer Koch. Não seria a primeira vez que isso acontece no Alemão. Em 1994, Bayern de Munique e Nuremberg tiveram que entrar em campo pela segunda vez por causa de um "gol fantasma" de Thomas Helmer. O Bayern havia vencido por 2 a 1. No segundo duelo, goleou por 5 a 0 e garantiu o título.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.