Após goleada, corintianos fogem da imprensa

Os jogadores do Corinthians se apresentaram nesta segunda-feira após a goleada sofrida para o arqui-rival Palmeiras por 4 a 0, mas não quiseram falar com a imprensa, com exceção de Anderson e Wendel. Rincón, autor de um gol contra na partida de domingo, ficou de dar entrevistas mas recuou e não falou com os repórteres.Do lado de fora do Parque São Jorge alguns seguranças faziam a proteção para os jogadores que chegavam. Oito torcedores fizeram protesto com o coro ?Fora Citadini?. O técnico Oswaldo de Oliveira chegou e rapidamente se dirigiu ao Parque Ecológico do Tietê, onde treinam os reservas.A assessoria de imprensa do clube, temendo novos protestos contra a má fase do time, não divulgou o horário de embarque da equipe nesta terça-feira para Fortaleza. O Corinthians enfrenta o Fortaleza, quarta-feira, pela 3ª fase da Copa do Brasil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.