Mailson Santana / Fluminense FC
Mailson Santana / Fluminense FC

Após Justiça o liberar do Fluminense, Scarpa tem rescisão publicada no BID

Decisão deixa o jogador totalmente livre para assinar com qualquer outra equipe

Estadão Conteúdo

12 Janeiro 2018 | 19h46

Em mais um capítulo da novela do meia Gustavo Scarpa com o Fluminense, desta vez o jogador teve mais um motivo para comemorar. Um dia depois de a Justiça conceder uma liminar e o liberar do clube carioca, Scarpa teve nesta sexta-feira a rescisão de seu contrato publicada no Boletim Informativo Diário (BID), da CBF. Assim, está totalmente livre para assinar com qualquer outra equipe.

+Abel diz que não está preocupado com saída de jogadores e projeta Flu competitivo

A publicação no site oficial da CBF ocorreu horas depois de o nome de Gustavo Scarpa sair da relação de jogadores do Fluminense no Boletim Informativo de Registro de Atletas (BIRA) da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ).

Agora sem qualquer vínculo com o Fluminense - contra quem Gustavo Scarpa acionou a Justiça por conta dos atrasos salariais, de direito de imagem, férias e 13.º salário dos anos de 2016 e 2017 -, o meia negocia o seu futuro. Três clubes estariam interessados. São eles: Palmeiras, São Paulo e Atlético Mineiro.

+Fluminense oficializa contratações do lateral Gilberto e do volante Jádson

Dos Estados Unidos, onde comanda o Fluminense na disputa da Florida Cup, o técnico Abel Braga mostrou decepção com as ações de Gustavo Scarpa. "Gostaria de tê-lo no grupo, mas não tenho a mínima esperança de que isso ocorra. Isso está caracterizado no sentimento do treinador. O que me entristeceu foi a maneira. Ele poderia ter me ligado, até porque foi meu capitão. Criou uma decepção pequena", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.