Raul Martinez/Reuters
Raul Martinez/Reuters

Após longa negociação, Palmeiras desiste de contratar colombiano Borré

Alto custo da operação e demora nas conversas levam clube a desistir do jogador do River Plate

Ciro Campos, O Estado de S.Paulo

19 de março de 2021 | 16h37

O Palmeiras desistiu nesta sexta-feira de contratar o atacante colombiano Rafael Santos Borré, do River Plate. Diante de uma negociação que se arrastou por semanas e da falta de acordo na parte financeira, o clube alviverde não vai mais prosseguir com o assunto para priorizar outros jogadores e evitar gastar muito dinheiro em um cenário de crise e de pandemia.

O clube alviverde tinha o colombiano como a principal aposta do mercado e chegou a enviar à argentina um representante para conversar com Borré. A proposta era um contrato por quatro anos além de salários de quase R$ 1 milhão por mês. O atacante tem contrato com o River Plate até junho, mas se interessou pela oportunidade de vir ao futebol brasileiro e topou conversar.

Mas as tratativas não avançaram de acordo com o esperado e nesta sexta-feira o Palmeiras encerrou qualquer conversa. O clube ainda não trouxe reforços para a temporada 2021, mas o técnico Abel Ferreira entende ser necessário ter mais um centroavante para ser um possível substituto para Luiz Adriano. O clube tem se movimentado no mercado para buscar um nome, desde que não precise gastar um valor elevado.

O Palmeiras fechou o ano de 2020 com um déficit de R$ 151 milhões e prevê ter mais um ano difícil em 2021. O clube tem como provável reforço o meia Danilo Barbosa, do Nice, da França. O jogador deve ser anunciado em breve, com um contrato de empréstimo válido por uma temporada, com opção de compra fixada.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasRiver Plate

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.