Após morte de irmão, lateral Galhardo pode desfalcar Santos

Jogador é liberado para viajar para o Rio de Janeiro e não deve jogar clássico contra o Palmeiras

SANCHES FILHO, Agência Estado

23 de abril de 2013 | 18h25

O técnico Muricy Ramalho pode ter perdido Galhardo para o clássico contra o Palmeiras, sábado às 16h15, na Vila Belmiro, pelas quartas de final do Campeonato Paulista, em razão da morte do irmão do lateral-direito, Marcos, em acidente automobilístico no norte do Rio. No fim da tarde desta terça-feira o jogador santista foi liberado para viajar para o Rio. O irmão de Rafael Galhardo era meia e jogava no Tombense-MG.

Como Bruno Peres se recupera de lesão na coxa e ainda não tem condições para voltar, Alan Santos, que é volante, poderá ser improvisado na posição. A mudança vai alterar a forma de o time jogar porque ficará mais forte na marcação e perde na saída da bola da defesa para o ataque.

O elenco do Santos se reapresentou nesta terça no CT Rei Pelé após folgar na segunda-feira. Muricy não contou com Neymar, que está com a seleção brasileira em Belo Horizonte para amistoso contra o Chile, e nem com a maioria dos titulares, que realizaram exames oftalmológicos fora do clube.

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolSantos FCGalhardo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.