Hélvio Romero/Estadão
Hélvio Romero/Estadão

Após pensar em dupla do Bahia, São Paulo não deve mais contratar

Clube tentou Renato Cajá e Hernane Brocador

O Estado de S.Paulo

30 de julho de 2016 | 07h04

A diretoria do São Paulo tinha a ideia de contratar mais um atacante e um meia para a sequência do Brasileiro, mas os reforços devem parar em Buffarini e Chavez. O diretor-executivo do clube, Gustavo Vieira de Oliveira, disse que dificilmente alguém deve chegar nesta temporada.

“Hoje, a maior possibilidade é não vir mais ninguém. As inscrições no Campeonato Brasileiro podem ser feitas até 16 de setembro, mas quanto mais o tempo passa, fica mais difícil contratar e as opções vão diminuindo, lamentou o dirigente, que apresentou na sexta-feira o argentino Julio Buffarini.

Recentemente, o São Paulo estudou a contratação de dois jogadores do Bahia. O meia Renato Cajá e o atacante Hernane Brocador. O primeiro, já defendeu dois clubes neste ano e por isso não poderia atuar em um terceiro. Já Brocador, renovou recentemente com o Bahia e seria necessária uma negociação onde o time do Morumbi deveria gastar alguns milhões para liberá-lo.

Outros nomes comentados vieram do Palmeiras. O técnico Edgardo Bauza admitiu que pediu a contratação de Lucas Barrios e Rafael Marques, além do ex-palmeirense Barcos, que está no Sporting, de Portugal. Lucas Pratto, do Atlético-MG, também esteve na mira, mas a chance de negociação é pequena. O time mineiro recusou recentemente uma proposta de 7,5 milhões de euro do futebol chinês.

 

Notícias relacionadas
Tudo o que sabemos sobre:
São Paulo FCFutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.