Site Oficial / Internacional
Site Oficial / Internacional

Após perder pontos em casa, Inter tenta se recuperar contra o ameaçado Luverdense

Apenas Eduardo Sasha é dúvida para o time titular do Internacional

Estadão Conteúdo

06 Novembro 2017 | 08h06

O Internacional saiu vaiado de campo após o empate sem gols com o CRB, na sexta-feira passada, em um resultado que configurou o segundo tropeço seguido no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, após derrota para o Ceará. Agora o time gaúcho vai ter que mostrar serviço fora de casa, na pacata cidade mato-grossense de Lucas do Rio Verde. Nesta segunda-feira, a partir das 20 horas (de Brasília), vai enfrentar o Luverdense, ameaçado pelo descenso, na abertura da 34.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

+ Cuesta fica fora de treino e vira dúvida no Internacional contra o Luverdense

Mesmo depois de perder cinco pontos em Porto Alegre, o Internacional segue na liderança com 62 pontos, agora com a diferença de dois para o vice-líder América-MG. Com isso, as chances de perder o título começam a aumentar, mas são pequenas as chances de deixar o acesso escapar. Com 15 pontos em disputa nas últimas cinco rodadas, a diferença para o quinto colocado Oeste, primeiro time fora do G4, é de sete.

Para o Luverdense, o jogo desta segunda-feira também tem forte carga emocional. Na 17.ª colocação, primeira dentro da zona de rebaixamento, venceu o ABC na rodada passada e chegou aos 39 pontos, igualando a pontuação de CRB, Guarani e Brasil-RS, que estão logo acima. Com isso, precisa vencer ou ao menos empatar e torcer pela derrota de um dos três rivais para sair da degola.

No primeiro turno, Internacional e Luverdense se enfrentaram no estádio Beira-Rio, pela 15.ª rodada, e o time gaúcho venceu por 1 a 0, com um gol polêmico marcado por Willian Pottker aos 47 minutos do segundo tempo. Na ocasião, o atacante recebeu o passe e o assistente levantou a bandeira, assinalando impedimento. Então, a defesa do time mato-grossense parou de marcar, mas o árbitro não apitou e Pottker deu sequência ao lance até fazer o gol.

Passado à parte, o Internacional encerrou a preparação para o jogo em Sorriso (MT), cidade próxima a Lucas do Rio Verde onde a delegação foi recebida com muita festa. O time treinou em um horário alternativo por conta do forte calor e dobrou a carga de garrafas de água cedidas aos atletas.

O técnico Guto Ferreira deixou o time praticamente definido, com uma dúvida no ataque. Eduardo Sasha foi relacionado, mas não confirmado por conta de uma lesão no tornozelo direito. O uruguaio Nico Lopez é a primeira opção e o meia Camilo, a segunda.

Guto Ferreira não quis confirmar a escalação, como tem feito ultimamente. "Todo mundo sabe como nós jogamos. Só precisamos ter muita atenção na marcação e aproveitar as chances que estão aparecendo lá na frente", despistou o técnico. Mas fora de casa, o time costuma se fechar bem no meio de campo e explorar a velocidade de seus atacantes, principalmente William Pottker. O artilheiro do time, com oito gols, está incomodado com o jejum de oito jogos sem balançar as redes.

LUVERDENSE

Após a vitória sobre o ABC, o técnico Júnior Rocha quer evitar mudanças, mas vai ter que fazer pelo menos uma substituição. O versátil Moacir, que jogou na lateral direita no jogo passado, está suspenso e vai devolver a vaga para Aderlan, titular da posição.

Outra mudança deve ser feita no meio de campo com a entrada de Gully no lugar de Douglas Baggio. "Fizemos um bom jogo fora de casa e temos que manter o ritmo. Os jogadores retomaram a confiança e vão entrar em campo para vencer", prometeu o treinador.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.