Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Após polêmica com futebol chinês, Dudu completa 200 jogos pelo Palmeiras

Atacante tenta superar negociação com o Shandong Luneng para tentar marcar de forma positiva confronto com o Fluminense

O Estado de S. Paulo

25 de julho de 2018 | 11h00

O atacante Dudu, do Palmeiras, vai completar nesta quarta-feira uma importante marca pelo clube. Possível titular na partida com o Fluminense, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro, o jogador chegará à marca de 200 partidas durante uma fase tumultuada para ele no clube, principalmente pela recusa da diretoria em vendê-lo para o futebol chinês.

+ Scarpa reencontra Fluminense após batalha na Justiça

+ Mattos revela sondagem do Palmeiras pelo zagueiro Miranda

O Shandong Luneng ofereceu ao jogador um contrato de quatro anos, com salário de R$ 2 milhões, luvas de R$ 30 milhões e mais R$ 67 milhões ao Palmeiras. A diretoria alviverde preferiu recusar, por entender que não contava com peças de reposição para a saída do atacante. Dudu afirmou ter ficado triste com a situação, pois via na negociação uma boa oportunidade financeira.

O jogador continua como um integrante importante do elenco e nesta quarta-feira terá um importante feito dentro da sua trajetória de mais de três anos no Palmeiras. "Fico muito feliz e honrado em atingir essa marca especial. Hoje em dia, não é fácil um jogador atuar 200 vezes por um mesmo time, principalmente sendo o Palmeiras, o maior do país e um dos maiores do mundo. Todos sabem o carinho que eu e a minha família temos por esse clube", afirmou.

Dudu tem 199 jogos, 48 gols, 43 assistências e dois títulos conquistados: Copa do Brasil de 2015 e o Campeonato Brasileiro de 2016. "Durante esses anos, vivenciei muitas coisas, conquistei títulos e amadureci demais, tanto dentro como fora de campo", avaliou. A participação contra o Fluminense também fará o atacante a chegar à marca de 100 jogos disputados pelo Palmeiras em Brasileiros.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.