Reprodução Twitter Monaco
Reprodução Twitter Monaco

Após quase 14 anos, Naldo deixa futebol alemão para jogar no Monaco

Zagueiro, que defendeu Werder Bremen, Wolfsburg e Schalke 04, assinou contato até junho de 2020

Redação, Estadão Conteúdo

03 Janeiro 2019 | 19h09

Após 13 temporadas e meia, o experiente zagueiro Naldo, de 36 anos, deixou o futebol alemão para passar a integrar o elenco do Monaco, que anunciou nesta quinta-feira a contratação do brasileiro, em uma ação para tentar se recuperar do seu péssimo começo de temporada.

"É um novo projeto para mim, após tantos anos na Bundesliga. Agradeço ao Monaco pela confiança depositada em mim. Tudo farei para corresponder às expectativas do clube dentro e fora de campo. Quero ajudar com a minha experiência", disse o jogador, que atuou em mais de 500 jogos do Campeonato Alemão por Werder Bremen, Wolfsburg e Schalke 04.

Naldo, que possui passagem pela seleção brasileira, tendo sido campeão da Copa América em 2007, assinou contato até junho de 2020 com o Monaco, que não revelou os detalhes financeiros da transação.

O brasileiro foi eleito pela Associação dos Jogadores de Futebol da Alemanha o terceiro melhor jogador da liga na temporada passada, atrás do polonês Robert Lewandowski e do colombiano James Rodríguez, ambos do Bayern de Munique.

"Dou as boas-vindas ao Naldo, um defensor que tem muita experiência no mais alto nível e conhecido por sua capacidade de liderança. Estamos convictos que seu perfil será muito importante em nosso desejo de reforçar o elenco rapidamente", afirmou Vadim Vasilyev, vice-presidente e diretor geral do Monaco.

O Monaco, atualmente treinado por Thierry Henry, que substituiu o português Leonardo Jardim, ocupa o 19.º e penúltimo lugar do Campeonato Francês, com apenas 13 pontos, após 18 jogos. O time está 34 pontos atrás do líder Paris Saint-Germain.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.