Vítor Silva/Botafogo
Vítor Silva/Botafogo

Após quase dois anos, Eduardo Barroca volta a comandar o time do Atlético-GO

Treinador de 39 anos tinha proposta também da Ponte Preta, mas decidiu trabalhar na Série A

Redação, Estadão Conteúdo

27 de maio de 2021 | 18h43

O Atlético-GO definiu no final da tarde desta quinta-feira o retorno do técnico Eduardo Barroca quase dois anos depois de levar o clube à elite do Campeonato Brasileiro.

Em 2019, Eduardo Barroca chegou ao Atlético-GO na reta final da Série B e, com 51% de aproveitamento em nove partidas - três vitórias, quatro empates e uma derrota -, conquistou o acesso.

Eduardo Barroca chegou a estar próximo de um acerto com a Ponte Preta, mas houve uma demora por parte da diretoria em fechar o negócio. Assim, o Atlético-GO entrou na disputa e ficou com o profissional de 39 anos.

Sem clube desde que encerrou sua segunda passagem pelo Botafogo no início de fevereiro, treinador tem passagens ainda por Coritiba e Vitória, além de ter trabalhado nas categorias de base do Corinthians.

O Atlético-GO estava sem treinador havia quase duas semanas quando a diretoria surpreendeu ao anunciar a saída de Jorginho. Nas últimas partidas, o time vinha sendo comandado interinamente por Eduardo Souza.

A reestreia de Eduardo Barroca no comando do Atlético-GO será neste domingo, contra o Corinthians, na Neo Química Arena, pela primeira rodada do Brasileirão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.