Ricardo Duarte/Inter
Ricardo Duarte/Inter

Após revés, Galhardo pede tempo para Abel Braga engrenar com o Internacional

Treinador reestreou com derrota para o América-MG no jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil

Redação, Estadão Conteúdo

12 de novembro de 2020 | 00h09

A reestreia de Abel Braga não foi como os torcedores do Internacional sonharam. O time foi derrotado pelo América Mineiro por 1 a 0, no Beira-Rio, pela ida das quartas de final da Copa do Brasil. Principal destaque da equipe na temporada, Thiago Galhardo pediu tempo para Abel colocar o seu estilo de jogo em prática.

"Muda o treinador, mudam pensamentos, as coisas demoram para se adaptar. Não tem como mudar o sistema de jogo em um dia. Tem que dar tempo para o Abel e para encaixarmos o sistema dele. Tivemos a pré-temporada com o (Eduardo) Coudet", comentou o atacante, referindo-se ao treinador que deixou o clube gaúcho na segunda-feira.

Galhardo admitiu que o clube esteve um pouco nervoso em campo, mas deixou claro que o Inter tem total possibilidade de buscar a virada no jogo de volta, marcado para a quarta-feira, às 21h30, no Independência. O time gaúcho precisará vencer por dois gols de diferença para avançar.

"Eles (América-MG) vieram com uma proposta de fazer um gol de contra-ataque, bola parada, conseguiram num cruzamento, parabéns. Não tem nada perdido, temos que nos recuperar. Eu mesmo tive chances de bola aérea, em um chute, não consegui. Senti o time um pouco nervoso, é normal. As coisas mudam, e vamos mudar para melhor, tenho certeza", finalizou.

Antes da Copa do Brasil, o Inter precisa focar no Brasileirão, visando defender a liderança. O time gaúcho encara o Santos no sábado, na Vila Belmiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.