Após revés, Leandro Guerreiro cobra vitória em casa

Insatisfeito com a derrota do Cruzeiro na estreia, o zagueiro Leandro Guerreiro cobrou uma vitória em casa, no próximo domingo, em Sete Lagoas, para compensar o revés diante do Figueirense, na rodada de abertura do Brasileirão. O adversário da segunda rodada será o Palmeiras.

AE, Agência Estado

23 de maio de 2011 | 17h34

"Vamos estrear em casa, com a nossa torcida, e temos tudo para voltar a jogar bem e agradar tanto os torcedores quanto a nós mesmos. Sabemos que será um jogo complicado, difícil. Temos que vencer. No Brasileiro, temos que vencer em casa, fazer o nosso dever. Precisamos do apoio da torcida, que será muito importante para que a gente consiga a vitória", declarou o defensor, convocando a torcida cruzeirense.

Guerreiro voltou a lamentar o resultado negativo na estreia, após desembarcar em Belo Horizonte. "Criamos chances. É importante salientar que tivemos oportunidades também. Se a nossa bola entra no início do jogo, como naquele lance do Thiago (Ribeiro), poderia mudar a história do jogo e poderíamos ter vencido até com um placar largo", comentou o zagueiro, se referindo a um lance de perigo do ataque no primeiro tempo.

Para o jogador, faltou sorte para o Cruzeiro no lance que gerou o único gol da partida, do Figueirense. "Tivemos a infelicidade de levar um gol daquela forma. Vamos trabalhar e nos dedicar nos treinos da semana, corrigir os erros com o professor Cuca", prometeu. Na jogada, o goleiro Fábio saiu mal do gol e mandou a bola contra Marquinhos Paraná, que acabou rebatendo para o fundo das redes.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCruzeiroLeandro Guerreiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.