Twitter/Lazio
Twitter/Lazio

Após saída do brasileiro Felipe Anderson, Lazio contrata argentino Joaquín Correa

Atacante, de 23 anos, disputou as duas últimas temporadas pelo Sevilla

Estadão Conteúdo

01 Agosto 2018 | 10h32

A Lazio agiu de forma rápida após a saída do meia-atacante brasileiro Felipe Anderson, que se transferiu para o West Ham, da Inglaterra, nesta janela do verão europeu. Nesta quarta-feira, o clube italiano anunciou a contratação do atacante argentino Joaquín Correa, de 23 anos, que disputou as duas últimas temporadas pelo Sevilla.

+ Na estreia de Vinicius Junior, Real Madrid perde para o Manchester United

De acordo com a Lazio, o jogador assinou um contrato por cinco temporadas. "Tucu" Correa, como é mais conhecido, nem treinou com seus ex-companheiros de Sevilla na última terça-feira para viajar à Itália nesta quarta e acertar a transferência para o futebol italiano.

Nenhum dos clubes quis revelar os valores da negociação, mas a imprensa espanhola especula que o Sevilla receberá 16 milhões de euros (mais de R$ 70 milhões), mais outros três milhões (mais de R$ 13 milhões) em variáveis dependendo do desempenho de Joaquín Correa na Lazio.

O atacante argentino, com apenas três jogos na seleção principal, volta ao futebol italiano depois de defender a Sampdoria. Em 2016, a equipe de Gênova negociou o jogador ao Sevilla por 12,5 milhões de euros (quase R$ 55 milhões). No time espanhol, Joaquín Correa disputou 73 partidas e fez 15 gols - na última temporada foram sete gols em 39 jogos.

Além do argentino, a Lazio está acertando com o meia croata Milan Badelj, de 29 anos, que estava atuando pela Fiorentina e negociava também com o Sporting Lisboa, de Portugal. "Badelj é um jogador importante e irá melhorar nosso time. E substituímos Felipe Anderson com (Joaquín) Correa. Estou satisfeito com a sua chegada, é jovem e tem qualidade", revelou o treinador Simone Inzaghi.

 

 

Mais conteúdo sobre:
futebol Sevilla Fútbol Club Lazio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.