Divulgação
Divulgação

Após secar rivais, Gabriel Jesus volta ainda como artilheiro do Brasileiro

Atacante marcou 10 gols antes de defender a seleção brasileira olímpica

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

23 Agosto 2016 | 17h21

Convocado para a seleção brasileira olímpica, Gabriel Jesus ficou seis rodadas fora do Campeonato Brasileiro e nem assim perdeu o posto de artilheiro da competição, com dez gols. O atacante do Palmeiras admitiu ter ficado na torcida contra os rivais na disputa pela artilharia.

"Eu saí pensando nisso, via quem tinha feito gols. Pensei até que o Robinho tinha me alcançado", contou, rindo, o atacante palmeirense. "Fico muito feliz por voltar como artilheiro, mas mais do que artilheiro, por continuar líder. Torço muito para que a gente continue", projetou.

Com tantas rodadas fora, Gabriel Jesus deixou que os adversários se aproximassem. Diego Souza (Sport), Sassá (Botafogo) e Robinho (Atlético-MG) marcaram nove gols cada. Com oito gols aparecem Bruno Rangel (Chapecoense), Grafite (Santa Cruz) e Vitor Bueno (Santos).

Justamente para não ver os concorrentes o ultrapassando, Gabriel Jesus quer jogar ao máximo pelo Palmeiras. Convocado para a seleção brasileira principal pelo técnico Tite, o atacante vai tentar defender o time brasileiro no dia 6 de setembro, contra a Colômbia, em Manaus, e no dia seguinte pretende jogar contra o São Paulo, no Allianz Parque.

"Se for pela minha vontade, vou querer jogar sim, mas depende de muitas coisas. Não é fácil assim. As pessoas falam '19 anos, dá para jogar cinco jogos num dia'. Dá, mas ficarei parado", brincou. "Se estiver bem e tiver oportunidade, vou querer jogar, sim", completou.

Desfalque certo ele será contra o Botafogo-PB, no Allianz Parque, dia 31 de agosto, pela Copa do Brasil. O jogo será na véspera da partida contra o Equador, em Quito.

Notícias relacionadas
Mais conteúdo sobre:
Palmeiras Futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.