Paulo Whitaker/Reuters
Paulo Whitaker/Reuters

Após sequência de defesas, Cássio brinca e diz que Corinthians gosta de 'sustinhos'

Goleiro foi o destaque da vitória do Corinthians por 2 a 0 sobre o Botafogo

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

19 de julho de 2018 | 00h12

O Corinthians venceu o Botafogo por 2 a 0, em casa, pelo Campeonato Brasileiro, e apesar do golaço marcado por Rodriguinho e de Romero ampliar a vantagem, quem deixou a Arena Corinthians como herói foi o goleiro Cássio, com pelo menos quatro grandes defesas nos minutos finais da partida. Ao deixar o gramado, o corintiano brincou com o fato da equipe sofrer pressão.

+ Cássio brilha, Rodriguinho faz golaço e Corinthians derrota o Botafogo na Arena

+ Loss se esquiva sobre Dudu, mas diz que clube não deve segurar atleta insatisfeito

+ Leia mais sobre o Corinthians

"Não esperava sofrer tanto, mas de vez em quanto, tem uns 'sustinhos', né?", brincou o goleiro, que deixou o gramado sendo saudado até por seus adversários. Jefferson e Rodrigo Pimpão foram cumprimentar o goleiro ao final do jogo, após lamentar por suas defesas espetaculares. 

"Independente do resultado, é importante esse respeito. Várias vezes também já fui parabenizar os adversários e fico feliz pelo reconhecimento", disse Cássio, ainda no gramado da Arena Corinthians e ouvindo seu nome sendo gritado pelos torcedores.  

O goleiro, que estava com a seleção brasileira que disputou a Copa do Mundo nega que tenha sido o responsável pelo resultado. "Todo mundo se empenhou bastante. Quando tivemos oportunidade na frente, a gente conseguiu marcar e foi importante", festejou o corintiano, que deu a camisa do jogo para um jovem torcedor que ao final da partida invadiu o gramado para abraçá-lo. "Sei que ele não devia estar aqui, mas eu tenho filhos e resolvi dar a camisa para ele", explicou. 

O Corinthians volta a campo no sábado, para disputar o clássico com o São Paulo, no Morumbi, às 21h. Com a vitória sobre o Botafogo, a equipe alvinegra chegou ao sétimo lugar, com 19 pontos, mesma pontuação do Palmeiras, que joga na quinta, contra o Santos, e está à frente pelo saldo de gols (7 contra 5).

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.