Daniela Mascolo / Reuters
Daniela Mascolo / Reuters

Após ser expulso em clássico, Higuaín é suspenso por dois jogos

Atacante pediu desculpas à torcida e ao árbitro pelo ocorrido

Estadão Conteúdo

13 de novembro de 2018 | 17h10

O argentino Gonzalo Higuaín, expulso no domingo passado no clássico contra a Juventus, na derrota do Milan por 2 a 0, foi suspenso nesta terça-feira por dois jogos pela Comissão Disciplinar da Federação Italiana de Futebol (FIGC, na sigla em italiano). Na segunda, o atacante pediu desculpas à torcida e ao árbitro pelo pênalti perdido e, principalmente, pela expulsão.

De acordo com a decisão emitida pela comissão, Higuaín foi suspenso por "protestar de forma seriamente desrespeitosa" em relação ao árbitro, aproximando-se "de forma ameaçadora e reiterando repetidamente seus protestos ao sair de campo"

O atacante argentino está emprestado pela Juventus ao Milan por uma temporada. No clube de Turim, Higuaín marcou 55 gols em 105 partidas, sendo 40 em 73 jogos pelo Campeonato Italiano. "Saí de lá pelos outros, não por mim. Sempre dei tudo de mim em Turim. Mas agora estou no Milan e estou bem aqui", completou.

O Milan é o quinto colocado no Campeonato Italiano com 21 pontos, 13 atrás da líder Juventus. O time soma seis vitórias, três empates e três derrotas na competição.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.